Destaque Notícias Windows 10 Mobile

Crónica – Windows Phone 8.1, o fim da viagem aproxima-se.

Estamos em 2016, sim passou-se o ano e a Microsoft (MS) adiou aquela que deveria ser a actualização para parte dos seus dispositivos móveis, a passagem do Windows Phone 8.1 (WP8.1) para o Windows 10 Mobile (W10M). Tal não aconteceu e os utilizadores continuam a navegar num barco que é o Windows Phone 8.1 sabendo que a viagem nesse barco acabará e terão de fazer um transbordo.
Tudo o que foi apresentado com W10M de forma oficial pela MS foram os dispositivos Lumia 950, Lumia 950 XL e o Lumia 550 e em todos eles fica a sensação que ainda falta algo ao sistema W10M, que ainda existem pontas soltas e que não está ao nível do que o WP8.1 nos habituou em termos de fiabilidade, estabilidade e optimização.

Olhando de cara para o sistema Windows acho que os factores acima sempre foram os pilares que atraíram os seus utilizadores, que não se importavam tanto com uma loja de aplicações mais vazia ou onde as aplicações não tinham as funções de último grito comparativamente às plataformas concorrentes. Na sua grande maioria escolheram o sistema por ser simples, estável, com uma boa gestão de bateria e fiável. Com estas características a MS conseguiu que muitos utilizadores fechassem os olhos às tentações de ter todas as apps disponíveis, sabendo que estariam mais confortáveis e sem dores de cabeça nos dispositivos de gama média e baixa comparando por exemplo com o android na concorrência.

Os mais recentes relatos dos novos dispositivos da empresa vêm por um ponto de interrogação nestes pilares do sistema, mostrando um sistema que se encontra ainda em fase de maturação e que ainda não transmite aquelas características ao nível do antigo WP8.1. Mesmo quem acompanha o programa Windows Insider vê que a empresa vai melhorando uma coisas de umas actualizações para outras, mas por outro lado piorando outros factores dando a entender que ainda está à procura da melhor receita para dar aos seus utilizadores a comer de forma massiva.

Pouco faltará (em teoria) para que a MS sirva aos seus consumidores de alguns dispositivos o W10M de forma oficial, esta será de facto a data chave para a imagem do novo W10M estar classificada, se a MS apresentar um sistema com os mesmos problemas dos relatados em Lumias 550, 950 e 950XL então a imagem do W10M será essa. Toda esta desconfiança por parte de alguns utilizadores levou a que os mesmos se cansassem de esperar e decidissem apostar na concorrência, com o IOS à cabeça por ser um sistema que possui esta fiabilidade, estabilidade e optimização com extra de uma loja recheada, ou seja é uma aposta segura e sólida em teoria.

Quem não estiver na vaga dos primeiros contemplados a receber a actualização provavelmente estará numa fase de mudança de dispositivo, e sendo que neste momento o W10M ainda é uma incógnita, estes utilizadores estão provavelmente a usufruir do WP8.1 mas com intuito de após a libertação do W10M de uma forma mais massiva tomarem uma decisão: se considerarem que o W10M continua com as características que o WP8.1 os atraiu então poderão continuar na plataforma e fazer um upgrade, se não chegarem a essa conclusão terão provavelmente de enveredar por outros caminhos a curto prazo.

Voltando à metáfora inicial do barco: o WP8.1 é um barco solido, mas que se sabe que terá o destino do Titanic, alguns dos seus ocupantes ao saberem que o barco mais tarde ou mais cedo colidirá com um iceberg já saltaram do barco e procuraram abrigo noutras embarcações, outros já estão a bordo daquele que se julga ser o salva vidas (W10M), enquanto a maioria ainda está a aproveitar a festa a bordo do imponente WP8.1 (melhor sistema móvel Windows na actualidade) e no momento do acidente decidirá o que fazer.

Sobre o autor

Pedro Silva

Estudante de engenharia, blogger, entusiasta de novas tecnologias e comunicação social. Usa Windows Phone como veiculo de comunicação.

  • Gerson

    E em terras brasileiras, não se verá um novo Lumia tão cedo.

    • Pedro Silva

      Obrigado pelo teu comentário. Sim acredito que ainda devem chegar ao Brasil daqui por uns tempos, mas pensava que os 950 estivessem já disponíveis, se bem que aparelhos topo de gama ai costumam ser caros.

  • Wesllen Batista

    Venho utilizando o Windows Phone desde a versão 8.0. Acredito que o sistema evoluiu trazendo funções que os usuários tanto solicitavam. Porém, ainda acho que o sistema será lançado meio que inacabado e não tão polido quanto a versão desktop. E olha que a Microsoft já vem se arrastando na construção e desenvolvimento/reformulação do sistema a mais de um ano.

    • Pedro Silva

      Obrigado pelo teu comentário. Infelizmente é o que se tem assistido a um desenvolvimento lento do windows 10 mobile, bem mais do que o desejado e as versões publicas dos novos diapositivos tem deixado um pouco desconfiados os utilizadores que previlegiam estabilidade e fluidez. Veremos o que são quando se distribuir o update para os aparelhos mais antigos.

  • Daniel De Luca

    Muito bom o texto. Uso desde a versão Amber o WP, passando pelo 620, 920 e agora o 930. Por causa do trabalho, adquiri recentemente o Redmi Pro 2, e para minha surpresa encontrei um sistema maduro, estável, sem lags ou tratamentos e com boa administração de bateria (bem melhor que o 930). O que a Xiaomi fez com o Android foi um trabalho muito bom, e estou aqui pensando se vou mesmo embarcar no Win 10, haja vista tanto atraso com um sistema bem imaturo. Dependendo do que acontecer, vendo os dois e pego um iPhone ou um Android top de linha. A ver….

    • Pedro Silva

      Obrigado pelo teu comentário. Sim é verdade que o Android tem melhorado ao longo do tempo na sua estabilidade e as fabricantes ja perceberam melhor como lidar com ele, deixar de lado funções desnecessarias que a maioria das pessoas não usam e so ajuda a dar travamentos.
      Graças à MS ter os seus serviços em todo o lado mudar agora para qualquer dispositivo se tornou mais fácil e com esta indecisão e instabilidade do windows 10 mobile, ter outro dispositivo serve para ter ferramentas windows que embora de forma nao tao integrada são bem funcionais.

    • Ambrósio Gregório

      Bem, eu cá acho que o 930 tem boa autonomia, isto no WP8.1. Por grande parte das vezes tinha bateria para 2 dias, e isto sempre com 4G (sem jogar). Uso as versões de testes do W10M desde Abril do ano passado, e infelizmente senti a autonomia descer drasticamente… Mas ultimamente parece melhor.

Comentários recentes